Empresa de autocarros, transporte de passageiros e serviço de excursões

 
 

Caetano Raposo & Pereiras

 
A empresa “Caetano Raposo e Pereiras Lda.” - CRP - iniciou, a sua actividade em 14 de Outubro de 1932 na freguesia da Maia, ilha de São Miguel, onde mantêm até aos dias de hoje a sua sede.
Inicialmente era constituída por Virgínio Caetano de Oliveira, João Raposo Eusébio Leite, Joaquim Pereira de Morais, Eugénio Pereira de Morais e Eugénio Pereira Furtado juntando-se, em 1958, a este grupo João Teixeira de Medeiros.

A destituição deste grupo acontece quando, anos mais tarde, a quota total da empresa passa para o nome dos netos de Virgínio Caetano de Oliveira.

Durante largos anos, foi gerente da empresa, Eugénio Pereira de Morais sucedendo-lhe, neste cargo, João Raposo Eusébio Leite, mais tarde José Raposo Eusébio Quental, seguindo-se Nuno Eusébio de Quental e José da Costa Oliveira, exercendo este último as actuais funções de gerente da empresa.
 
 
Na década de 30, a empresa Caetano Raposo e Pereiras adquiriu, por trespasse, as camionetas de António de Medeiros - concessionário da carreira Achada / Ponta Delgada - e as de Manuel Cabral, que faziam a ligação Nordeste / Ponta Delgada.

Assim, em 1932, a Caetano Raposo e Pereiras Lda. assegura a ligação Maia/Ponta Delgada através do seu primeiro veículo movido a carvão, tendo posteriormente adquirido outra viatura que ligava a Vila do Nordeste à cidade de Ponta Delgada.

Com estas aquisições, a empresa passou a ter o exclusivo do transporte colectivo na chamada “Linha-do-Norte”, o que até então não se verificava uma vez que Fernando Alcântara era um dos seus mais activos concorrentes, chegando a possuir um autocarro que ia até à freguesia da Maia.

Com o aparecimento dos primeiros veículos a gasolina, a CRP adquire três viaturas desta feita com vista ao percurso Ribeira Grande/Ponta Delgada, contando até ao ano de 1952 com uma frota de 6 autocarros. Em 1953, com o aparecimento dos veículos movidos a gasóleo, investe na compra de dois motores para substituição em dois dos seus veículos que se moviam a gasolina.

Em 1958, a CRP investe na compra de 50% da quota da empresa “Auto-Viação Ribeiragrandense, Lda”, à empresa “Varela, Lda”, ao mesmo tempo que João Teixeira de Medeiros ingressa nos quadros da CRP levando consigo o restante valor empresarial da extinta “Auto-Viação Ribeiragrandense, Lda”, de que era sócio gerente.

Em 1982, a empresa disponha de 48 autocarros das marcas “Mercedes”, “Volvo” e “AEC” e de aproximadamente, 120 empregados. Possuía ainda uma oficina em Ponta Delgada, duas garagens na Maia e outras no Pico da Pedra, Ribeira Grande e Rabo de Peixe
 
 

Serviços

Actualmente, conta com 53 autocarros destinados ao transporte colectivo de passageiros, nos concelhos de Nordeste, Ribeira Grande, Ponta Delgada e Povoação, e com 68 funcionários.

Das suas instalações fazem parte, para além da sede na Maia, alguns escritórios, oficinas de bate-chapa, carpintaria e pintura e um parque automóvel localizados na Estrada Regional Senhora da Rosa, Fajã de Baixo. O transporte regular especializado e o transporte ocasional são outros dos serviços assegurados pela empresa.

A crescente aposta no desenvolvimento turístico a nível da região Açores, leva a que a empresa “Caetano Raposo e Pereiras, Lda.” adquira nos anos de 2003 e 2004 veículos “mini bus”, com vista à prestação de serviço a agentes turísticos da ilha de São Miguel.
Postos de Venda
Informações, Horários e Preços:
Ponta Delgada
296 285 244

Ribeira Grande
296 472 110